Como preparar uma boa aula de redação para os alunos

criança escrevendo - redação para os alunos

Aulas de redação: como preparar redação para os alunos?

É a partir da escrita que as pessoas se comunicam com outras pessoas e expressam seus sentimentos por meio das palavras. É muito importante estimular os alunos desde cedo na prática da leitura e escrita. Para fazer uma excelente redação, é fundamental que o aluno tenha uma boa preparação. E o professor tem um papel essencial aqui, pois ele deve preparar uma boa aula de redação para os alunos.

A escrita é uma ferramenta que ajuda na capacidade de raciocinar e a preparar uma boa redação com um discurso mais coerente. Essas habilidades são importantes tanto no meio educacional, como também no meio profissional. Além disso, a redação é cobrada no ENEM, por isso é importante que os professores promovam meios para que os alunos tenham acesso a preparar uma boa redação.

Pensando nisso, preparamos 6 dicas para preparar uma boa aula de redação para os alunos. Além disso, é importante preparar uma aula mais dinâmica e criativa para estimular a participação dos alunos. Pois, a redação na escola é fundamental. Boa leitura!

Qual é a importância da redação na escola?

É importante que o estudante tenha uma constante dedicação para ter uma boa escrita. Além disso, a redação precisa ter ideias compreensíveis e organizadas. Por isso, é essencial que o aluno invista para escrever uma boa redação.

O professor pode proporcionar outros meios para preparar os estudantes. Seria interessante que o docente focasse no vestibular ou no ENEM. Pois, a maioria dos alunos possui dificuldades para construir uma boa redação. Visto que, é importante que na redação tenha bons argumentos, um ponto de vista, intervenção e uma conclusão.

7 dicas para ajudar no desenvolvimento da escrita dos seus alunos.

Como preparar uma boa aula de redação para os alunos?

Para preparar uma boa aula de redação para os alunos, é fundamental que o docente tenha conhecimento de produção de textos. Não é apenas escrever bem, mas também antes da escrita da redação é importante estudar sobre o assunto que vai ser abordado. O conhecimento cognitivo é importante, mas também é essencial conhecer o gênero a ser produzido, e as seguintes informações:

  • Quem escreve;
  • Para quem;
  • Com que finalidade;
  • Onde circula;
  • Se a linguagem é mais ou menos formal;
  • Qual o vocabulário é o mais adequado entre outras questões.

Além do professor ensinar os alunos a ter uma boa escrita, é fundamental que na aula de redação o docente ajude os alunos a desenvolverem sua capacidade argumentativa. Para isso, é significativo que o aluno crie a prática da leitura, desenvolva o seu senso crítico e principalmente, tenha um treino constante.

Outro ponto indispensável, é que para ter uma boa redação não depende só do professor. É preciso que o aluno se dedique, e para isso é essencial que os estudantes sigam as orientações dadas pelo professor, e mais importante ainda, que coloque elas em prática. Por isso, é fundamental praticar a escrita da redação e reescrever quantas vezes for preciso. Se o aluno se atentar a essas dicas, terá sucesso na sua redação.

Confira 6 dicas para preparar uma boa aula de redação para os alunos:

Em alguns processos seletivos a redação tem grande peso. Por isso, é significativo que a instituição de ensino promova uma boa preparação para os alunos. Além disso, também é essencial que os professores realizem uma boa aula para que os estudantes alcancem bons resultados. Veja:

  1. Incentive a leitura dos alunos

Nas aulas de redação para os alunos o professor deve incentivar a leitura, por isso, é importante inserir momentos de leitura na sala de aula. Escrever bem, não é o bastante, como já mencionado. Esse hábito da leitura precisa ser instigado, pois, a maioria dos alunos só tem acesso ao gosto da leitura na escola. Por isso, é importante ressaltar e incentivar a prática da leitura no ambiente escolar.

O aluno é protagonista nesse processo, mas a escola e o professor têm um papel importante. Pois, com o incentivo da leitura o aluno pode aumentar o seu vocabulário, o repertório, na compreensão da gramática e no desenvolvimento da criatividade.

Artigo: 10 dicas para incentivar a leitura: entenda qual a importância!

  1. Apresente em sala notícias do cotidiano

Essa é uma maneira de deixar o aluno mais atualizado sobre o que acontece no seu cotidiano. Pois, essa estratégia ajuda o estudante a ter um bom repertório a respeito do assunto que será abordado no vestibular ou no ENEM. Porque, geralmente os temas de redação são relacionados com os acontecimentos da atualidade.

Dessa forma, o aluno está propenso a desenvolver diversas habilidades, como o raciocínio lógico, se posicione com sua opinião e tenha senso crítico. Esses pontos são muito importantes para a construção de uma redação coerente.

Portanto, o docente deve instigar o aluno a também levar notícias para sala de aula, com a finalidade que ele tenha curiosidade e o hábito de ler em casa também. Outra forma de promover um bom uso dessa estratégia para construção de uma boa redação para os alunos é discutir em sala de aula sobre os diversos assuntos que acontecem no mundo.

  1. Apresente exemplos de boas redações

Os alunos podem ficar com dúvidas, então é importante que o professor leve exemplos de redações de temas diferentes para que os alunos possam entender como construir uma boa redação. Cada aluno tem uma maneira de escrever e expressar suas ideias na redação, então o importante é que o texto, esteja bem elaborado e contextualizado. E o docente também pode debater com a turma e tirar as dúvidas dos alunos.

  1. Ensine a estrutura de uma boa redação

Para que uma boa redação seja bem elaborada é preciso que primeiro, seja feito um planejamento, pois é importante estruturar bem as ideias e organizar as informações. Essa abordagem é fundamental para desenvolver a redação de forma organizada e estruturada.

Dessa forma, o professor pode ensinar os alunos a seguir essa estrutura e salientar a importância de praticar. Pois, a redação precisa ter coerência e coesão. Além disso, o aluno deve se atentar para qual público ele está escrevendo, a linguagem adequada para cada gênero textual e as ideias centrais para serem colocadas no texto.

  1. Explique os estilos comuns de redação

As redações apresentam diversos estilos e cada vestibular possui o seu. Por isso, é importante estudar os diferentes gêneros textuais. Geralmente, o professor não consegue ensinar todos os gêneros, então o docente pode salientar os gêneros textuais mais cobrados nos vestibulares e no ENEM.

Dessa forma, o educador pode apresentar os exemplos de cada estilo de texto e fazer a explicação. Além disso, o professor também pode abordar os temas mais atuais com seus alunos e explicar as características de cada gênero textual. Lembrando que o professor pode focar nos estilos de gêneros mais pedidos nos exames nacionais.

O professor pode separar uma aula para construção de redações, voltada para o exame que cada aluno vai prestar ao final do ano. Praticar é a melhor maneira de reter o aprendizado e identificar onde tem dificuldade para saber como proceder. Nesse caso, o docente, pode ajudar nas dificuldades que o aluno apresente.

  1. Utilize a tecnologia a seu favor

Os jovens utilizam a tecnologia no seu cotidiano frequentemente, além de ser uma ferramenta muito útil para ser usada no ambiente escolar. Geralmente, quando o aluno tem alguma dúvida, recorre às tecnologias para fazer pesquisas escolares. Pois, já estão acostumados com o uso da tecnologia no dia a dia.

Então, utilizar a tecnologia na sala de aula seria interessante e incentivaria o engajamento dos alunos. Além disso, há várias ferramentas e aplicativos que auxiliam no desenvolvimento de uma boa redação, tem também conteúdos gratuitos online que estimula a leitura, aplicativos que ajudam a tirar dúvidas na gramática, redação e na escrita.

Outra maneira de utilizar a tecnologia ao seu favor é indicando plataformas de correção de redação online. A partir disso, os alunos podem treinar a escrita, acessar inúmeros temas que já foram abordados nos vestibulares anteriores e também receber correções online personalizadas. Portanto, o uso da tecnologia é um instrumento para auxiliar na aprendizagem e um reforço para os alunos conseguirem atingir seus objetivos.

Utilize essas dicas em sala de aula e compartilhe sua experiência!

 

Gostou do nosso conteúdo?

Conheça também a nossa plataforma de cursos online gratuitos, clicando aqui!

Siga nossa página no Instagram @soeducador, postamos conteúdos incríveis lá! 🙂

Autor

Eduarda Ribeiro

Eduarda Ribeiro

Quer receber
mais conteúdos
GRATUITAMENTE?

Receba em primeira mão conteúdos relevantes do mundo educacional, basta preencher o formulário abaixo!

Fique tranquilo...

Quer receber
mais conteúdos
GRATUITAMENTE?

Receba em primeira mão conteúdos relevantes do mundo educacional, basta preencher o formulário abaixo!

Fique tranquilo...