O que é Análise do Comportamento?

É importante que antes de falar sobre a profissão de Analista Comportamental, conhecer sobre o que é análise do comportamento, pois falar sobre assunto possibilita mais compreensão a respeito dessa especialização. Esse é o post de hoje. Boa leitura!

A Análise do Comportamento não é um método e muito menos uma técnica, mas sim uma ciência do comportamento, voltado para o estudo, conhecimento e explicação do comportamento humano conectado com diversas áreas.

Essa ciência foi desenvolvida por Burrhus Frederic Skinner, um “psicólogo behaviorista, inventor e filósofo norte-americano”. 

Existem duas áreas dentro da Análise do Comportamento, como: Análise do Comportamento Experimental (que é o estudo do comportamento humano a partir de experiências em laboratórios relacionados à investigação acadêmica)  e a Análise do Comportamento Aplicada – ABA (estuda os comportamentos dos sujeitos e buscam explicar como as pessoas se comportam socialmente). 

Para saber mais sobre a Análise do Comportamento Aplicada, confira este artigo da sóeducador. 

A ABA também busca compreender, analisar, explicar a forma como as pessoas interagem, se comportam em relação ao ambiente e como funciona o processo de aprendizagem. Além disso, aplicam intervenções baseadas na ciência do comportamento.  

O que faz um Analista Comportamental?

Esse profissional atua na identificação e na caracterização dos perfis comportamentais. Além disso, aplica intervenções para que o indivíduo tenha bons resultados.

São diversas profissões que essa área abrange, como: coaching, psicólogos, no RH, gestores entre outros. O Analista Comportamental tem diversas possibilidades de profissões.

Analista Comportamental: saiba como você pode ser um! 

Um Analista Comportamental é um excelente aliado para ajudar quando o assunto se trata de transtornos do neurodesenvolvimento. Esse profissional pode contribuir muito no desenvolvimento das crianças que necessitam de intervenções. 

Para saber mais sobre Transtornos do Desenvolvimento, confira este artigo da sóeducador. 

Pode acontecer também do Analista Comportamental ser chamado de terapeuta ABA e ser o supervisor de alguma equipe, estruturando as intervenções e organizando de acordo com a necessidade da criança. É possível que ele obtenha outra graduação, visto que o Analista Comportamental é uma especialização.

Primeiramente, é importante salientar que para ser um Analista Comportamental é preciso ter uma graduação, pós ou especialização antes , principalmente nas áreas que envolvem saúde e educação. Não é uma regra, mas é muito importante, pois são áreas que têm relação com essa especialização. 

O número de crianças diagnosticadas com autismo e transtornos do neurodesenvolvimento aumentou nos últimos tempos, já que o acesso às informações sobre TEA cresceu com o avanço das tecnologias e pesquisas voltadas para essa área. Por isso, a procura por profissionais, como um aplicador de ABA ou analistas do comportamento que estudam e trabalham com a ABA  (Análise do Comportamento aplicada) aumentou consideravelmente

Para saber mais sobre Transtorno do Espectro Autista , confira este artigo da sóeducador. 

A profissão de Analista do Comportamento 

Para ser um Analista do Comportamento é preciso passar por uma graduação, pós ou um curso de especialização específica, voltado para os princípios, métodos e técnicas relacionados à ciência do comportamento, especificamente, a Análise do Comportamento. 

Esse profissional pode trabalhar com intervenções baseadas na Análise do Comportamento em circunstâncias diversificadas, como: na educação, esportes, tecnologia, laser, em organizações e empresas. O analista do comportamento pode trabalhar nessas áreas porque estuda o comportamento humano. Significa dizer, que ele está aplicando seus conceitos, métodos e técnicas.

Como já mencionado, um analista comportamental pode se especializar, fazer uma pós-graduação, mas também pode se formar através de cursos de formação. Esses cursos na maioria das vezes são mais reduzidos, mas também obtêm uma formação profissional. No Brasil ainda é preciso de uma regulamentação. Contudo, mesmo que o diploma seja importante, o mais essencial ainda é a base teórica que será aprendida, e principalmente, a experiência que são fundamentais para aplicar as intervenções de forma eficaz.

Regulamentação da Profissão de Analista do Comportamento

No Brasil, ainda não há uma regulamentação oficial em relação a qual profissional pode ser um analista comportamental. Contudo, ainda está em processo para que a regulamentação ocorra.

No contexto do Brasil, independentemente, qualquer pessoa pode ser um profissional analista do comportamento. Mas é preciso buscar uma pós-graduação, especialização ou cursos para exercer a profissão. Essa profissão no país é bem menos frequente, pois ainda há muito em que caminhar.

Gostou do nosso conteúdo?

Conheça também a nossa plataforma de cursos online gratuitos, clicando aqui!

Siga nossa página no Instagram @soeducador, postamos conteúdos incríveis lá!

Referências:

Analista comportamental: conheça a profissão e seu impacto na empresa. Sólides, 2022. Disponível em: https://blog.solides.com.br/analista-comportamental/. Acesso em: 17 de agost. 2022.

FREITAS, Michelli. Analista do Comportamento: saiba como você pode ser um! IEAC (Instituto de Educação e Análise do Comportamento). Disponível em: https://blog.ieac.net.br/analista-do-comportamento-saiba-como-voce-pode-ser-um/. Acesso em: 17 de agost. 2022.

FREITAS, Michelli. Quem é o analista do comportamento? Como ele pode ajudar? Youtube, 2020. Disponível em: https://youtu.be/jyCetZtMbAE. Acesso em: 17 de agost. 2022. 

Movimento em carreira. O que faz um Analista Comportamental? Youtube, 2021. Disponível em: https://youtu.be/Xq3yICrEePM. Acesso em: 17 de agost. 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *